Logo ASP

Notícias



Código Tributário é aprovado

Antonio Leudo
Código Tributário aprovado no Legislativo

Código Tributário aprovado no Legislativo

O novo Código Tributário de Campos foi aprovado por maioria, na sessão da Câmara Municipal desta terça (20). A aprovação do Projeto de Lei de autoria do Executivo foi em primeiro turno e, na próxima terça-feira (27), está prevista votação de oito emendas parlamentares, sendo três modificativas, três substitutivas e duas aditivas. Após a votação em segundo turno, o Código segue para assinatura do prefeito Rafael Diniz (PPS) e posterior publicação no Diário Oficial. A polêmica ficou em torno da taxa de iluminação pública. Enquanto a oposição era contra, a base governista ponderava a necessidade de alguns reajustes, já que o Código foi alterado, atendendo solicitações de entidades representativas.


Durante quase três horas, os discursos em torno da taxa de iluminação dominaram o plenário. Para quem gasta até 120 quilowatts por mês, a alíquota foi reduzida. Segundo governistas, isso beneficiará cerca de 100 mil campistas. No entanto, para quem tem contas de energia mais altas deverá subir.


Vereadores de oposição reclamaram, como Linda Mara Silva (PTC): “O brasileiro já gasta muito com energia e esse aumento, mesmo para quem tem melhor condição financeira, me preocupa”, disse. Já Josiane Morumbi (PRP), de oposição, mas que é empresária, elogiou o diálogo aberto entre o prefeito Rafael e entidades, que apresentaram suas reivindicações e foram atendidas. Também no tom das críticas estava o vereador Ozéias (PSDB): “A situação não está fácil para nenhuma das classes, sejam as mais humildes, ou empresários, que também têm sofrido com a crise”, comentou.


A bancada governista respondeu, lembrando que Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS), Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), e Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) não serão reajustados.


O presidente do Legislativo, Marcão Gomes (Rede), destacou que alguns programas sociais tiveram que ser temporariamente suspensos por consequência de atos da administração passada. “Meteram a mão do PreviCampos, contrataram empresa fantasma de ambulância, acabaram com a cidade”, rebateu Marcão.


Líder do governo, Fred Machado (PPS) afirmou que o prefeito Rafael está priorizando a população mais carente.


Saúde - O vereador Thiago Virgílio falou a respeito da necessidade, segundo ele, de uma CPI da Saúde, mas não havia assinaturas suficientes.

-------------------------------------------------
folha1
http://www.folha1.com.br/_conteudo/2017/09/politica/1224948-codigo-tributario-e-aprovado.html

Mais Notícias

Ônibus de monitoramento reforça segurança no Centro

Chequinho: Kellinho, Miguelito e Ozeias têm recursos negados pelo TRE-RJ

Pezão afirma que salários de servidores devem ficar em dia em fevereiro

Justiça suspende contrato da Prefeitura com delator da operação Caixa d'Água

Planilha sugere que ex-diretor da Globo recebeu propina de US$ 1 milhão

Trabalhador que receber menos que o mínimo fará recolhimento complementar

Governo do Rio informa à Justiça que Garotinho se autolesionou no presídio

Operação Caixa d'água: Quatro juízes antes de Glaucenir e Ralph

Nome da operação é inspirado nas fotos da "farra dos guardanapos", de Paris

Rosinha é levada para o presídio feminino de Campos

Por determinação da Justiça, Garotinho é transferido para Benfica, onde está Cabral e Picciani

Mensagem sobre multa para quem não fizer biometria é falsa, diz TSE

Tribunal nega absolvição sumária de Marisa Letícia

Prazo para renovação de contratos do Fies prorrogado até dia 30

ÁGUA NATURAL E ÁGUA ADICIONADA DE SAIS SERÃO DIFERENCIADAS PELA COR DA EMBALAGEM

TRF2 aceita pedido de prisão de Jorge Picciani e mais dois deputados da Alerj

Estado do Rio paga salários de setembro para servidores que ganham até R$ 2.826 na sexta-feira

Fetranspor movimentou quase R$ 350 milhões em propinas, diz MPF

Servidores federais: segunda parcela do 13º salário será paga no início de dezembro

Mulher relata coação no corredor do Fórum

Rafael Diniz decreta corte no próprio salário, no da vice-prefeita e dos DAS

Cultura em movimento contra manifestação de racismo por alunos do IFF

Governo publica confirmação de empréstimo, e salários atrasados devem sair até...

Juiz nega embargos e revisa pena de ex-secretária e ex-coordenadora do Cheque Cidadão

Ministro da Justiça diz que comandantes de batalhões da PM são sócios do crime organizado no RJ

<< PÁGINA ANTERIOR

Envie seu comentário!

Nome:

E-mail:

Comentário:


Publicidade

  • GClin Campos

  • WIZARD IDIOMAS

  • MEGAFARMA

  • ASP JUSTIÇA

    A LOGOMARCA É SÍMBOLO DA NOSSA UNIÃO. UTILIZE SEU ADESIVO!

Previsão do tempo

Redes sociais

Blog ASP Justiça

Twitter ASP Justiça

Consulte seu extrato

>>

Estatuto ASP Justiça

>>

Seja sócio da ASP Justiça

>>

Links e telefones úteis

>>

Site ASP 2009/2011

>>

Av. Quinze de Novembro, nº. 289 • 4º Andar • Sala ASP Justiça • Centro • Cep. 28035-100 • Campos dos Goytacazes-RJ
E-mail: aspjustica.aspjustica@gmail.com • © Copyright • Novembro/2009 • Todos os direitos reservados a ASP JUSTIÇA
Site feito byChucas: byChucas