Logo ASP

Notícias



Uenf debate perda de poder do Estado

O Rio de Janeiro está “em lágrimas”. O Estado “perdeu o poder”. Perdeu em 1960 o poder de capital federal e hoje o poder diante da intervenção federal. Foi com esse tema que os palestrantes Laurent Vidal, da Université de la Rochelle, na França, e o professor Rafael Soares Gonçalves, do Departamento de Serviço Social PUC-Rio, falaram na palestra em comemoração aos 25 anos da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf). O tema central foi “As lágrimas do Rio”, que relata a perda do poder do estado do Rio desde que a capital foi transferida para Brasília, em 1960, passando pelo pós Olímpico até os dias atuais.


Para o professor Laurent Vidal, o Rio vem perdendo poder há anos e é preciso saber o motivo que se perdeu e onde está esse poder: “A cidade perdeu o título de capital, a representação do Estado está aos poucos se perdendo, a representação do município também está se perdendo. Precisamos saber onde localizar o poder. Hoje vemos bem que a instituição que detém o poder não tem mais voz de decisão. É dever do cidadão resgatar o poder apoiado na Constituição”, disse.


Já o professor Rafael Soares Gonçalves, falou especificamente sobre a escolha do Rio de Janeiro como sede das Olimpíadas, que engloba e impacta na questão de segurança: “O cenário atual da cidade é muito complexo, precisamos repensar numa nova lógica de desenvolvimento. Não adianta intervenção federal se o Estado não é capaz de absorver e tomar decisões. É preciso um projeto novo para o Estado”, enfatizou.

-------------------------------------------------
folha1
http://www.folha1.com.br/_conteudo/2018/03/geral/1232148-uenf-debate-perda-de-poder-do-estado.html

Mais Notícias

Comércio pode abrir no feriado

UE anuncia embargo de carnes de 20 estabelecimentos do Brasil

Sindipetro-NF realiza ato contra demissões em Macaé

Buraco nas contas: em 2017, gastos do Rio superam arrecadação

Taxa de incêndio com calendário definido

Caixa D’Água: Justiça marca interrogatório de Garotinho, Rosinha e ex-ministro

Rafael vence por 6 a 0 no Tribunal Regional Eleitoral

Caixa, Santander e BB lideram ranking de reclamações contra bancos no 1º tri

Caso Marielle: 'Polícia Civil já entendeu o cenário do crime', diz Barbosa

Assassinato de analista judiciária que comoveu Campos faz um ano

Rio de Janeiro regulamenta serviços de transporte por aplicativo

Polícia Federal cumpre mandado de busca e apreensão na sede do PreviCampos

Juíza barra visita de nove governadores a Lula

STF marca para dia 17 julgamento de denúncia contra Aécio Neves

AGORA É LEI: ATOS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DEVERÃO SER PUBLICADOS EM DIÁRIO OFICIAL ELETRÔNICO

Praia de Santa Clara receberá obras emergenciais após fortes chuvas

Hypera Pharma é alvo de operação da PF

TJ vota lista para substituir relatora

IPTU com desconto de 15% até dia 10

Lula cogita não se entregar à PF, e defesa aguarda decisão do STJ

AGORA É LEI: ACADEMIAS SÃO OBRIGADAS A ALERTAR SOBRE RISCOS DOS ANABOLIZANTES

AGORA É LEI: ACADEMIAS DEVERÃO INCENTIVAR CONSULTA DE REGISTRO PROFISSIONAL ...

Transexuais e travestis já podem incluir nome social no título de eleitor

'Justiça que tarda é uma justiça que falha', diz Raquel Dodge

Rafael Diniz fala do êxito da 15ª rodada da ANP

<< PÁGINA ANTERIOR

Envie seu comentário!

Nome:

E-mail:

Comentário:


Publicidade

  • GClin Campos

  • WIZARD IDIOMAS

  • MEGAFARMA

  • ASP JUSTIÇA

    A LOGOMARCA É SÍMBOLO DA NOSSA UNIÃO. UTILIZE SEU ADESIVO!

Previsão do tempo

Redes sociais

Blog ASP Justiça

Twitter ASP Justiça

Consulte seu extrato

>>

Estatuto ASP Justiça

>>

Seja sócio da ASP Justiça

>>

Links e telefones úteis

>>

Site ASP 2009/2011

>>

Av. Quinze de Novembro, nº. 289 • 4º Andar • Sala ASP Justiça • Centro • Cep. 28035-100 • Campos dos Goytacazes-RJ
E-mail: aspjustica.aspjustica@gmail.com • © Copyright • Novembro/2009 • Todos os direitos reservados a ASP JUSTIÇA
Site feito byChucas: byChucas