Logo ASP

Notícias



Justiça nega pedido de teste de insanidade mental de agressor de Bolsonaro

Reprodução / Internet
Adélio Bispo de Oliveira em depoimento

Adélio Bispo de Oliveira em depoimento

Minas Gerais - O juiz da 3ª Vara da Justiça Federal em Juiz de Fora, Bruno Savino, disse que "o raciocínio organizado e o discurso articulado" de Adélio Bispo de Oliveira, agressor confesso de Jair Bolsonaro (PSL), na audiência de custódia, indicam a sua "higidez mental". A informação consta em sua decisão desta quarta-feira, em que nega o pedido de teste de insanidade mental protocolado pela defesa do pedreiro. A decisão do juiz concordou com o parecer do Ministério Público Federal (MPF) pelo indeferimento do pedido.


O juiz escreveu que "até o presente momento, não há elementos de informação que sustentem a existência de dúvida relevante e plausível sobre a higidez mental do investigado" e que, apesar de a defesa mencionar o "uso permanente de medicamentos de uso controlado" e de um "histórico de consultas perante médicos psiquiatras e neurologistas", nada foi juntado aos autos que confirmasse estas assertivas.


"Como ressaltado pelo MPF, não há laudos, declarações, recibos de honorários ou qualquer outro documento idôneo. Sequer há menção a nomes de profissionais envolvidos ou locais do alegado tratamento", disse.


Savino afirmou que as suas declarações na audiência demonstrariam que ele tem condições de auxiliar seus defensores, fornecendo-lhes informações acerca da existência e localização de documentos ou outros dados que sustentem as alegações de insanidade. A Justiça alegou que também milita em desfavor do pedido de Adelio o fato de ele jamais ter requerido benefício por incapacidade junto à Previdência Social, "o que evidenciaria, à míngua de outros elementos, sua higidez mental".


O juiz disse também que, "como bem dito pelo MPF, razões de cunho religioso ou político são constantemente utilizadas como justificativa para atos extremos, sem que isto caracterize, de per si, a insanidade mental de seus agentes".


A decisão ressalta que o indeferimento não impede a renovação do pedido, "desde que acompanhada de novos elementos de informação que indiquem o efetivo comprometimento da capacidade do investigado em entender o ilícito ou determinar-se conforme este entendimento". A Justiça facultou à defesa de Adelio o acesso de médico de sua confiança ao custodiado para que produza laudo técnico a fim de subsidiar eventual renovação do pedido de instauração de incidente de insanidade mental.


"Assim, caso requerido pela Defesa, oficie-se ao Exmo. Juiz Federal Diretor do Presídio de Campo Grande - MS, a fim de comunicar-lhe desta decisão. Caso a defesa apresente laudo médico ou documentos que digam respeito à condição de saúde de Adélio Bispo de Oliveira, dá-se vista ao MPF. Nesta hipótese, fica decretado o sigilo destes autos a fim de resguardar a intimidade do investigado. Arquivem-se os autos, sem baixa na distribuição", diz a decisão.

-------------------------------------------------
odiaonline
https://odia.ig.com.br/brasil/2018/09/5574206-justica-nega-pedido-de-teste-de-insanidade-mental-de-agressor-de-bolsonaro.html

Mais Notícias

Não usar cadeirinha é um risco para pais e crianças, alertam especialistas

AGORA É LEI: NORMA QUE ESTABELECE TEMPO MÁXIMO DE ESPERA EM ATENDIMENTOS BANCÁRIOS E DOS CORREIOS...

Fim de semana prolongado com dois feriados

Brinquedos aquecem as vendas

'Engenheiro' misterioso usa tampas de caixas d’água em ponto de ônibus em Acari

Witzel e Paes são favoráveis a ‘testes de integridade’ sobre servidores públicos

NÍVEL DO PARAÍBA GERA PREOCUPAÇÃO

Mais da metade da Alerj foi renovada nesta eleição

Wilson Witzel e Eduardo Paes farão segundo turno para governo do Rio

Brasil: depois dos eleitores, investidores aplaudem Bolsonaro

Alerj: João Peixoto, Gil Vianna, Rodrigo Bacellar, Bruno Dauaire e Jair Bittencourt eleitos

AUXÍLIO-ADOÇÃO PARA SERVIDORES PÚBLICOS PODE SER AMPLIADO

Estado do Rio nomeia 79 papiloscopistas que aguardavam chamada para Polícia Civil

Uenf sobe 13 posições no Ranking Universitário nacional

Eleição 2018: Confira seu local votação após modificações do TRE

Juiz eleitoral de Campos orienta sobre regras para o dia da votação; confira

Facebook revela ataque virtual que atingiu 50 milhões de usuários

Há 100 anos, tomava posse a primeira mulher diplomata do país

Garotinho diz que vai recorrer hoje mesmo ao STF para manter campanha

Representantes da Firjan se reúnem com Autopista para pedir mais segurança na BR101

Após agravo de servidores, Rio tenta manter decisão do STF favorável a desconto de 14%

Estimativa para a inflação deste ano sobe para 4,28% e a do PIB cai para 1,35%

Importunação sexual vira crime com pena de até 5 anos de prisão

Postura notifica mais 70 proprietários para limpeza de imóveis

ARÁBIA SAUDITA TEM PRIMEIRA MULHER COMO ÂNCORA DE TELEJORNAL NOTURNO

<< PÁGINA ANTERIOR

Envie seu comentário!

Nome:

E-mail:

Comentário:


Publicidade

  • GClin Campos

  • WIZARD IDIOMAS

  • MEGAFARMA

  • ASP JUSTIÇA

    A LOGOMARCA É SÍMBOLO DA NOSSA UNIÃO. UTILIZE SEU ADESIVO!

Previsão do tempo

Redes sociais

Blog ASP Justiça

Twitter ASP Justiça

Consulte seu extrato

>>

Estatuto ASP Justiça

>>

Seja sócio da ASP Justiça

>>

Links e telefones úteis

>>

Site ASP 2009/2011

>>

Av. Quinze de Novembro, nº. 289 • 4º Andar • Sala ASP Justiça • Centro • Cep. 28035-100 • Campos dos Goytacazes-RJ
E-mail: aspjustica.aspjustica@gmail.com • © Copyright • Novembro/2009 • Todos os direitos reservados a ASP JUSTIÇA
Site feito byChucas: byChucas